Semana de Discernimento Vocacional

Na passada semana (de 4 de junho a 8 de junho), a comunidade do Seminário de Lamego, mais propriamente o 12º ano, viveu uma semana mais virada para a questão vocacional. Estando as aulas quase a terminar, esta semana serviu para um maior aproveitamento ao nível espiritual e vocacional.

Na segunda-feira, juntamente com os seminaristas do 9º ano, foi realizada uma recoleção espiritual, orientada pelo nosso diretor espiritual, o Pe. Aniceto. A recoleção começou com uma leitura do livro de Jeremias. Seguiu-se um momento de reflexão e uma meditação do Evangelho de Mateus, do “homem rico”. Nenhuma riqueza chega para “confrontar” o amor de Deus para connosco. Uma terceira passagem foi referente à 1ª Epístola do Apóstolo São Pedro. O Pe. Aniceto propôs-nos meditar nesta passagem para nos relembrar dos pecados capitais, pecados esses que nos podem afastar do caminho de Deus. A recoleção acabou com a celebração da eucaristia. Durante a homilia, o Pe. Aniceto, focou três aspetos que devemos realizar quando nos aproximamos do Senhor: Liberdade, pois somos livres, apesar do nosso livre-arbítrio, de escolher o caminho que queremos seguir; Responsabilidade, visto que é uma missão muito complexa o que nos leva a uma maior entrega em relação a nós perante o outro; Por fim, devemos aproximarmo-nos com Alegria. A alegria é um ponto fulcral nesta missão de servir a Cristo, pois, estamos a anunciar Aquele que ressuscitou!

Desde já, agradecemos ao Pe. Aniceto por esta recoleção tão rica em passagens que nos fazem lembrar que somos chamados a abraçar este projeto de Deus.
Na quarta-feira, eu e o Tiago, juntamente com o Pe. Ângelo, dirigimo-nos até Braga a fim de conhecermos melhor o Seminário Interdiocesano e os seminaristas lá residentes, bem como a Faculdade e outros pontos de grande importância. Quando chegámos fomos acolhidos pelo Pe. António (pároco da Diocese de Bragança) que nos mostrou o nosso quarto e a casa. Às 19h celebrámos a eucaristia presidida pelo Reitor do Seminário Interdiocesano. Durante a homilia, o mesmo falou da importância dos padres/seminaristas no dia-a-dia de uma comunidade sendo nós uma espécie de antecessores do Reino de Deus visto que somos chamados ao celibatário. Depois da eucaristia, dirigimo-nos para o refeitório pra jantar e depois de um pequeno tempo de convívio, a equipa da cultura apresentou-nos um filme sobre a vida de São João Bosco, fundador dos salesianos.

Já na quinta-feira, juntamente com o Pe. António e o Pe. Ângelo e também com os seminaristas de Bragança, dirigimo-nos até à Faculdade de Teologia para conhecermos melhor o espaço bem como o procedimento acerca da nossa matrícula. Ao fim desta visita, fomos até ao Bom Jesus do Monte. Apesar da chuva, o ajuntamento de peregrinos era enorme e como peregrinos que éramos, decidimos visitar todo o espaço. Começando pelo Santuário, passando pelo escadório e até acabar no funicular. Finda a visita, regressámos ao Seminário e depois do almoço fomos jogar futebol com o Seminário Conciliar de Braga. Regressámos ao Seminário e às 18:30 existiu uma breve meditação com Exposição do Santíssimo, presidida pelo Sr. Cónego Seixas, diretor espiritual do Seminário.

Queremos, desde já, agradecer tanto ao Sr. Pe. Ângelo como aos formadores do Seminário Interdiocesano que nos proporcionaram esta visita cheia de coisas boas. Também agradecer aos seminaristas por nos acolherem tão bem. Que o Senhor permaneça sempre ao nosso lado ajudando-nos a escolher o melhor caminho para as nossas vidas!

João Patrício, in Voz de Lamego, ano 88/28, n.º 4465, 12 de junho de 2018