“CÁRITAS 65 ANOS - O AMOR QUE TRANSFORMA”.

A Semana Nacional Cáritas agora em formato online.

A rede nacional Cáritas promove nos dias 28 de fevereiro a 1 de março, a sua Semana Nacional. Uma iniciativa que procura evidenciar a ação da Cáritas no combate à pobreza e exclusão social, com o tema “Cáritas 65 Anos: O Amor que Transforma”. Vivida em contexto de Pandemia, a Semana Cáritas reveste-se este ano de um peso especial, num período em que a COVID-19 deixou muitas famílias em situações difíceis.

Durante esta semana, as diferentes Cáritas Diocesanas que compõem a rede nacional Cáritas, promovem o envolvimento público e de animação local. Uma das principais atividades desta semana é o Peditório Nacional de rua. Face às dificuldades que a pandemia impôs, e pelo segundo ano consecutivo, ele não se realiza nos formatos habituais. A Cáritas adota, por isso, uma estratégia digital, com a realização de um peditório nacional online. Este peditório tem como objetivo a angariação de verbas que vão reforçar a capacidade da rede Cáritas na resposta aos atendimentos sociais e no desenvolvimento e implementação de projeto sociais locais. Adaptado às circunstâncias em que vivemos e sem esquecer a sua principal missão: a solidariedade e a erradicação da pobreza.

Em 2020, a rede Cáritas atribuiu apoios financeiros, direto à população, de cerca 1.5 milhões de euros, ao qual se somam, ainda, os apoios em produtos alimentares e bens essenciais bem como outras respostas sociais de emergência. Desde abril de 2020 a fevereiro de 2021, através da implementação do programa nacional “Vamos Inverter a Curva da Pobreza em Portugal”, foi possível responder diretamente a cerca de 10 mil pessoas, que viram os seus rendimentos afetados pela COVID-19. Um apoio que corresponde a cerca de 10 por centro do total de apoios da rede nacional.

A redução significativa de rendimentos pela perda de posto de trabalho, ou por rendimentos insuficientes, seja salário ou reforma, são as principais razões que motivam o apoio da Cáritas que tem respondido com o pagamento de rendas de habitação, despesas de saúde e medicamentos e pagamento de despesas de eletricidade.

Marcelo Rebelo de Sousa, Presidente da República, saudou o trabalho desenvolvido pela Cáritas ao longo dos seus 65 anos, sem esquecer o seu papel no combate à pobreza instalada pela COVID-19, numa mensagem enviada a propósito da Semana Nacional: “A Cáritas quer olhar para o futuro, e pede-nos que partilhemos o apoio às suas causas do futuro. A semana de 28 de fevereiro a 7 março, neste ano, tem um modelo diferente, um modelo da pandemia, um modelo digital, mas um modelo que não afasta aquilo que é a Cáritas, solidariedade, generosidade, mas proximidade. A rede Cáritas tem estado na linha da frente do combate aos efeitos sociais da pandemia e mobilizado, de forma discreta, meios para que ninguém fique sem resposta.”

D. José Traquina, Presidente da Comissão Episcopal da Pastoral Social e Mobilidade Humana, lembrou também o trabalho da rede Cáritas sublinhando a sua missão no despertar da solidariedade no concreto: “A missão da Cáritas – o amor que transforma – é despertar para esta solidariedade no concreto, comprometidos que estamos na transformação do mundo em que vivemos para que seja, cada vez mais, uma terra de irmãos. Para que juntos vivamos verdadeiramente numa só família humana.”

Mensagem do Presidente da República

O vídeo promocional da Semana Nacional Cáritas em

A acontecer...

Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
1
2
3
4
5
6

Pesquisar

Redes Sociais

Fale Connosco

  254 612 147

  curia@diocese-lamego.pt

  Rua das Cortes nº2, 5100-132 Lamego.