Previous Next

Paróquia de Tabuaço Encerramento da Visita Pastoral de D. António

Tabuaço teve a graça de receber a Visita Pastoral de Sua Excelência Reverendíssima, o Sr Bispo de Lamego, D. António Couto, de 9 a 19 de maio.

Bendito seja Deus, Nosso Senhor Jesus Cristo que pela sua bondade concede à Igreja pastores que a edificam com a palavra e o exemplo. Bem-haja, Sr. Bispo, por nos proporcionar a experiência de saborear a beleza da comunhão que é a Igreja reunida à volta do seu Pastor.

Aqui queremos assegurar-lhe o nosso afeto e a nossa oração. Por si e pelo seu Ministério. Que Nossa Senhora da Conceição o acompanhe e o ajude a “fazer-se ao largo”, semeando a paz e o bem, espalhando luz. Sempre mais LUZ!..

Nestes dias de encontro com a Fé, tivemos como preparação a visita dos Senhores Padres Diamantino, Giroto e Vitor em que foram abordados os Sacramentos do Batismo, da Eucaristia e da Confirmação.

Para júbilo da comunidade, assistimos no domingo passado ao batismo do Manel Filipe, um membro a acrescentar à Igreja de que somos parte integrante. Assim como aconteceu com treze adolescentes que quiseram ser confirmados na Fé, a Fé Apostólica, a Fé da Igreja que todos nos gloriamos de professar. Ao vir confirmar estes adolescentes, é toda a Paróquia que se sente confirmada na verdadeira Fé Católica.

Creia, Sr Bispo, que o nosso Pároco e os paroquianos estão muito felizes com a sua presença, e que na sua missão diocesana veio deixar uma semente que terá que ser deitada à terra para germinar e dar os seus frutos.

No decorrer desta sua Visita Pastoral, teve a oportunidade de percorrer todos os lugares de culto, Instituições, Escolas, Centro de Saúde, GNR, Bombeiros, Câmara Municipal e Junta de Freguesia. Contactou de perto com os Grupos paroquiais e Agentes pastorais. Mas não podemos deixar de destacar a visita feita aos idosos nas suas casas, que pelas suas capacidades de mobilidade reduzida, tiveram por parte do Sr Bispo uma atenção especial. Estamos certos que eles recordarão esses momentos com a maior das emoções! Os seus gestos e o Sacramento da Santa Unção foram uma verdadeira carícia de Deus.

Foi sua missão trazer-nos esperança e alento para os momentos difíceis, além de sustento e renovação da nossa Fé. Foi com muita alegria que o recebemos de braços abertos, esperando que tivesse visto de perto as nossas realidades, mas que, sobretudo, pudesse ter visto o que existe para além de cada rosto e de cada coração, intercedendo a Deus por nós e pelas nossas famílias.

Estamos cientes que a sua vinda, Sr Bispo, e a sua presença nos diversos sectores da comunidade, proporcionará aos tabuacenses uma mudança interior com a valorização de acções justas e empenhadas no crescimento de Tabuaço como um todo, o fortalecimento da Fé e mais do que isso, uma busca pela compreensão, cada vez maior, do que é ser um verdadeiro católico, na luta por um mundo melhor!

Possam os nossos jovens, crianças e também vós, pais, a quem dirigimos uma interpelação especial, buscar a sincera participação na Igreja, respeitando um legado religioso por muitos abandonado em nome de modernismos sem sentido. Possamos todos sentir na presença santificada do nosso Pastor, a alegria simples mas iluminada e duradoura dum verdadeiro cristão. Que esta visita, D. António, não seja para nós uma mera formalidade, mas sim o momento de nos declararmos povo santo de

Deus, justificando as nossas palavras com acções que elevem os nossos espíritos e engrandeçam o nome de Jesus. Possa Maria Santíssima, Senhora da Conceição abençoá-lo pelo seu trabalho diocesano junto dos fiéis, desatando os nós que a vaidade humana cria e espalhando flores onde houver espinhos.

E lembrando o nosso querido Papa Francisco que tanto pede para rezarmos por ele, nós também fazemos o mesmo pedido: reze por nós, Sr. Bispo. Rezemos uns pelos outros!

Esta visita culminou na Eucaristia celebrada com a presença de vários sacerdotes do nosso concelho, o Sr. Arcipreste, o Sr. Vigário Geral, o nosso Pároco, Pe. Manuel Gonçalves e a presidir à celebração D. António Couto.

À hora marcada deu-se início à procissão do Centro Paroquial para a Igreja, percorrendo a distância com a rua atapetada e enriquecida com os Símbolos principais da Santa Igreja, os quais mereceram a atenção de todos e do Sr. Bispo também. Cada símbolo estava referenciado com o seu significado. Este trabalho foi desenvolvido pelas catequistas e outras pessoas que gostam de colaborar.

Na sua homilia, D. António Couto vincou o “amor ao outro”, insistindo que não devemos fazer aos outros o que não queremos para nós. Melhor dizendo, “façamos aos outros o que queremos que nos façam a nós”. Cristo assim o repetiu, vezes sem conta, aos seus discípulos: “Amai-vos uns aos outros como Eu vos amei”!

A celebração decorreu com grande elevação e emoção por parte da comunidade, com a fanfarra dos bombeiros, que sempre dá o seu brilho a estas festividades, na presença de várias entidades da Autarquia e Agrupamento de Escolas.
No final da celebração, o nosso Pároco, Pe. Manuel Gonçalves, fez os seus agradecimentos a todos quantos se empenharam para que estes dias magníficos decorressem com grande dignidade!


Cidália Ferreira e Elisa Lacueva,
in Voz de Lamego, ano 89/24, n.º 4511, 21 de maio de 2019

A acontecer...

Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

Pesquisar

Redes Sociais

Fale Connosco

  254 612 147

  curia@diocese-lamego.pt

  Rua das Cortes nº2, 5100-132 Lamego.

Contacte-nos

Rua das Cortes, n2, 5100-132 Lamego

 254 612 147

 curia@diocese-lamego.pt

 254 612 147