Previous Next

JMJ caFÉ

Em dias frio, há notícias que nos aquecem o coração! Assim foi no passado sábado dia 26 de Janeiro. Do outro lado do Atlântico, mais concretamente no Panamá viviam-se dias de grande alegria pela realização da Jornada Mundial da Juventude, onde jovens do mundo inteiro celebram e partilham a vivência da fé católica. Bem mais perto e por Resende, o DDPJ propôs aos jovens da nossa diocese o JMJ caFÉ, para que em comunhão com os dois jovens da nossa diocese que viviam de perto esta experiência, também nós pudéssemos, juntos, sentir a alegria de partilhar a mesma fé.

A atividade contou com a presença de jovens de várias paróquias e deu cor e festa ao Seminário de Resende. Foram vários os momentos que marcaram a noite. A alegria transmitida pelos vários cânticos entoados pelo grupo Fortaleza, os testemunhos de quem já participou na JMJ, a participação dos vários grupos presentes no Karaoke, mas a quase certeza vinda diretamente do Panamá de que iriamos ser os eleitos para acolher a próxima JMJ foi sem dúvida o momento alto da noite. O Diogo Martinho já estava bem junto ao altar da JMJ e todos sabíamos o que isso significava. A emoção que ele vivia e que transmitiu nas poucas palavras que nos dirigiu, era a nossa emoção. O Diogo e o Francisco eram os olhos e o coração de todos nós.

Hoje sabemos que em 2022 somos todos chamados a dar o nosso contributo. Somos chamados a abrir as portas da nossa casa para receber quem tão bem já nos recebeu nas suas. O empenho tem que ser de todos, mas os que já viveram a experiência têm a responsabilidade acrescida de conseguir mobilizar todos, de conseguir abrir os corações de todos para que esta alegria não deixe ninguém indiferente.
Papa Francisco, vemo-nos em Lisboa em 2022!


Adelaide Melo, in Voz de Lamego, ano 89/09, n.º 4495, 29 de janeiro de 2019